Clube de Leitura Teatral com Márcia Cardoso em Loulé

Depois da leitura de peças de Ricardo Neves-Neves (2019), Ana Lázaro (2020) e Patrícia Andrade (2021), o Teatro do Eléctrico volta a marcar presença no Clube de Leitura Teatral de Loulé, desta vez com um texto de Márcia Cardoso*. 
“Queremos matar a mamã” é uma peça de humor negro, onde dois irmãos gémeos planeiam a morte da própria mãe.
A sessão acontece no dia 23 de Junho, às 21h00, na Casa da Mákina, em Loulé.

A entrada é, como sempre, gratuita, mas a lotação é limitada.
Inscrições obrigatórias (e informações) através o email geral@makinadecena.com, até dia 22 de Junho.

*Márcia Cardoso é uma artista portuguesa de 46 anos. Estreou-se como actriz no espectáculo D. Quixote de La Mancha no Teatro Experimental de Cascais em 1997. Desde então, enquanto actriz e criadora, colaborou regularmente com várias companhias, entre as quais estão Divas Iludidas, Projecto Teatral e o Teatro do Eléctrico, e trabalha em várias áreas artísticas de onde se destacam o teatro, a performance, a dobragem de voz, música e cinema. Como encenadora dirigiu Antes de começar de Almada Negreiros, O canto do cisne de Anton Tchekhov, Salomé de Óscar Wilde e Queremos matar a mamã, onde assina também o texto a meias com Frederico Salvador. De assinalar o seu papel de argumentista convidada a colaborar em vários episódios das séries televisivas Solteira e boa rapariga (RTP) e Ah pois tá bem (TVI). Edgar, que vê a luz do dia em 2020, é a sua primeira tentativa como realizadora e argumentista no mundo da sétima arte.