­­SIBS lança o primeiro cartão inclusivo certificado pela ACAPO

A SIBS desenvolve o primeiro cartão inclusivo para pessoas com deficiência visual certificado pela ACAPO – Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal,  para que possam utilizar este instrumento de forma mais autónoma, segura e privada. Esta solução SIBS inclui cartões bancários e não bancários com identificação e caracteres em Braille, e permitirá aos utilizadores cegos e com baixa visão distinguir os vários tipos de cartão por tipo de utilização.

Trata-se de uma tecnologia e solução próprias desenvolvidas pela SIBS, que passam a estar  disponíveis  a todos os seus clientes e parceiros, em Portugal e no estrangeiro que pretendam incluir esta solução na sua oferta.

“Trabalhamos diariamente para colocar o melhor da tecnologia ao serviço da sociedade, contribuindo para um futuro mais equilibrado e seguro. É com orgulho que, depois de quase dois anos de desenvolvimento e melhoramento do projeto, somos mais uma vez agentes de mudança, assegurando a utilização de cartões de forma autónoma, privada e segura, em terminais de pagamento e caixas automáticos, por parte de um cego ou amblíope”, afirma Gonçalo Campos Alves, Diretor Geral da SIBS Cartões.

O projeto de identificação de cartões inclusivos para pessoas com deficiência visual responde a um desafio já identificado pela ACAPO, mas para o qual ainda não existia uma resposta eficaz. Este desafio foi assumido pela SIBS, no âmbito do programa de Sustentabilidade “Verde-Código-Verde”, e em linha com o seu propósito de desenvolver soluções com impacto no dia a dia e criar valor para as comunidades onde está presente, promovendo uma sociedade mais justa e equitativa.

“Este projeto é um passo importante não só para as pessoas cegas ou com baixa visão, e para todos os que lhes são mais próximos, mas também para a consciencialização da comunidade sobre a importância do acesso igual e acessível a todos. Desta forma, um maior número de entidades poderão adotar no seu dia-a-dia práticas inclusivas, quer  para a informação que produzem quer para o relacionamento com os seus clientes” afirma Rodrigo Santos, Presidente da Direção Nacional da ACAPO.

Com esta solução, qualquer pessoa poderá identificar tanto o tipo de cartão – bancário, de fidelização, de acesso ou outro; débito, crédito, pré pago, entre outros no caso dos cartões bancários – como a entidade emissora, com plena autonomia, privacidade e segurança. A inclusão do Braille nos cartões complementa assim o cortante lançado em 2018, um corte efetuado no cartão em formato de meio lua que permite às pessoas cegas ou com baixa visão identificarem o lado correto para utilização do mesmo.

Atualmente, em Portugal, 23.396 pessoas não conseguem ver e 3,7% da população tem muita dificuldade em realizar esta tarefa[1].

Com cerca de 20 anos de experiência, a SIBS Cartões tem como missão criar valor para os seus stakeholders com o desenvolvimento de soluções para cartões seguras e inovadoras, que promovam princípios com impacto positivo a nível ambiental e social. Seguindo este compromisso, para além do lançamento do cortante em 2018, a SIBS Cartões foi pioneira no lançamento de cartões em PVC Eco, tornando este instrumento mais sustentável, e, mais recentemente, em 2021, um cartão composto por 100% de PVC reciclado, permitindo reduzir significativamente o impacto no meio ambiente.

Este novo projeto surge em parceria com a ACAPO, uma Instituição Particular de Solidariedade Social fundada a 20 de outubro de 1989 que tem como missão a representação dos cidadãos com deficiência visual, providenciando-lhes serviços adequados às suas necessidades e consciencializando a sociedade para a sua inclusão.


[1] Dados Censos 2021.