Tribunal de contas dá visto favorável à construção de um coletor alternativo ao instalado na ribeira da Graça

É assinado no próximo dia 13 de dezembro, pelas 15h30, o auto de consignação da obra do coletor alternativo ao instalado na Ribeira da Graça, em Loulé (águas e esgotos).

Esta empreitada, há muito aguardada, acaba de receber visto favorável do Tribunal de Contas e irá assim solucionar uma questão estrutural na conduta que atravessa parte da cidade, e que se tem agravado nos últimos anos, provocando a ocorrência de ”descargas” no Cadoiço, sobretudo durante o período de maior pluviosidade.

Os trabalhos consistem na construção de um coletor de grande dimensão, com início na Rua Drª Laura Ayres (em frente ao Tribunal Administrativo de Loulé), seguindo pela Rua Ventura de Sousa Barbosa, Rua General Humberto Delgado, Rua Ribeiro da Graça e Rua do Cadoiço. Será também executado um troço de coletor doméstico entre a zona de estacionamento que liga a Rua General Humberto Delgado e a Rua Antero de Quental, assim como a reparação e substituição das infraestruturas existentes ao longo do todo o percurso.

Para além disso, esta intervenção irá dar resposta à preocupação da população relativamente a uma situação que tem afetado os residentes e toda a qualidade ambiental desta área, ao contribuir para a valorização deste património natural que tem sido alvo de algumas ações para preservação do seu ecossistema.

A Autarquia de Loulé acredita que o Cadoiço poderá tornar-se no futuro um importante ponto turístico da cidade e espaço de lazer e convívio para a população.