Portimão assinala Dia Internacional da Mulhercom várias iniciativas

Portimão irá assinalar o Dia Internacional da Mulher esta terça-feira, dia 8 de março, com várias iniciativas que pretendem celebrar todas as mulheres e as suas conquistas e alertar a comunidade para a problemática da igualdade de género que volta a ser a ser o tema eleito este ano pelas Nações Unidas para esta efeméride.

Com o objetivo de sensibilizar os mais jovens, para a alteração de atitudes e práticas discriminatórias entre homens e mulheres na esfera pública e na esfera privada, e no âmbito das atividades do projeto TIAR CLDS Portimão que promovem a igualdade de género, durante este dia terá lugar na escola básica e secundária da Bemposta e na escola Básica Engenheiro a atividade “Diálogos de Mudança”. 

“Diálogos de Mudança” é a atividade que irá sensibilizar os alunos e alunas da escola básica e secundária da Bemposta e da escola básica Engenheiro Nuno Mergulhão para a alteração de atitudes e práticas discriminatórias entre homens e mulheres na esfera pública e na esfera privada. Promovida pelo TIAR CLDS Portimão, esta ação insere-se no programa de atividades para a promoção da igualdade de género no âmbito deste projeto de luta contra a pobreza e a exclusão social, para a promoção do emprego, para a melhoria das condições de vida da população em situação de vulnerabilidade económica, social e pessoal.

No âmbito do programa do Março Jovem, pelas 17h30, terá lugar um espaço de reflexão, debate e “networking” entre jovens mulheres “Get-together -Draw Yourself” na Loja Ponto JÁ Portimão, dinamizado pela voluntária turca Egzi Dokurr do Programa Geração XXI. Esta atividade pretende reunir ativistas, académicas/os e pessoas interessadas na área do feminismo, de diferentes espaços e contextos profissionais, pessoais e políticos, para uma reflexão conjunta sobre o significado do feminismo para as jovens hoje em dia, devendo para o efeito ser feita a inscrição através do email mariana.rodrigues@dypall.com

As aulas do Programa Exercício e Saúde serão também marcadas pelo espírito do Dia Internacional da Mulher, tendo os participantes sido desafiados a preencher um postal criado para o efeito com palavras e pensamentos alusivos ao Dia que serão partilhados durante a aula.

No Centro de Convívio da Aldeia das Sobreiras, numa parceria com o CLCC -Centro de Línguas, Cultura e Comunicação, este dia será sinalizado com uma sessão fotográfica, que dará origem a uma exposição patente até ao final do mês enquanto nos Centros Comunitários dos bairros camarários da Coca Maravilhas, Cruz da Parteira, Pontal e Mira Cabo o dia será marcado por momentos de convívio, muita animação e alguns “mimos”.

Num Município liderado por mulheres, a Presidente da Câmara Municipal de Portimão não quis deixar de homenagear aquelas que todos os dias desempenham funções ao serviço da autarquia, e irá oferecer simbolicamente uma flor a todas as funcionárias.

Nos diferentes balcões de atendimento municipal e edifícios municipais será oferecido um postal alusivo ao Dia com uma mensagem especialmente dirigidas às mulheres.

PELA IGUALDADE DE GÉNERO

Este ano, as Nações Unidas elegeram para o Dia Internacional da Mulher o tema “Igualdade de género hoje para um amanhã sustentável”, reconhecendo a contribuição de mulheres e meninas em todo o mundo, que estão liderando a tarefa de adaptação às mudanças climáticas, mitigação, e resposta, para construir um futuro mais sustentável para todas as pessoas e o planeta. O avanço da igualdade de gênero no contexto da crise climática e a redução do risco de desastres é um dos maiores desafios globais do século XXI.

De referir que está em curso em Portimão o Plano Municipal para a Igualdade de Género com vista a contribuir ativamente para a respetiva promoção, consciencializando a comunidade para as questões que a temática consagra quanto à linguagem, à parentalidade, aos direitos laborais, ao combate de estereótipos e, sobretudo, ao respeito de cada um. 

A implementação deste plano municipal passa pelo desenvolvimento de ações de informação, sensibilização e formação sobre várias temáticas inseridas na defesa dos direitos das mulheres e promoção da igualdade de género, que envolvam toda a comunidade.