São Brás de Alportel consegue aprovação da sua primeira candidatura ao Plano de Recuperação e Resiliência

No âmbito da estratégia municipal de combate às alterações climáticas, e após abertura do primeiro aviso de concurso do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), o município de São Brás de Alportel alcançou a aprovação da sua primeira candidatura no âmbito da eficiência hídrica.

Sob a designação “Criação de zonas de Medição e Controlo no Sistema de Água no concelho de São Brás de Alportel” o projeto agora aprovado pela Comissão de Gestão do PRR na Comunidade Intermunicipal do Algarve tem por objetivo a criação de zonas de medição e controlo que vêm complementar o sistema de telegestão existente.

Trata-se de uma melhoria significativa na medição de caudais na rede de abastecimento de águas e verificação de eventuais perdas no circuito, o que contribui para uma monotorização mais célere e eficaz deste precioso recurso natural.

Este projeto representa um investimento superior a 45.000,00 euros, financiado a 100% pelo PRR, e integra a aquisição e colocação de caudalímetros em diversos pontos estratégicos do território são-brasense.

O Presidente da Câmara Municipal, Vitor Guerreiro, sublinhou que “o município estará, uma vez mais, na linha da frente na captação de financiamento, em especial do Plano de Recuperação e Resiliência, que pretende ser uma alavanca de sustentabilidade e inovação rumo ao futuro. Estamos conscientes desta oportunidade e das dimensões estruturantes que a compõem, nomeadamente a nível digital e ambiental, e será nossa missão defender a implementação de novas ferramentas promotoras de uma maior qualidade ambiental, sendo a eficiência hídrica uma área prioritária”.