ANPAC faz a velocidade nacional regressar ao Autódromo Internacional do Algarve.

• Campeonato de Portugal de Velocidade Clássicos, Clássicos 1300 e Legends está de regresso ao Autódromo Internacional do Algarve este fim de semana

• Mais de 50 inscritos para o Portimão 2 – Super Racing Series

• Medidas de segurança para prevenção da pandemia incrementadas A Associação Nacional de Pilotos de Automóveis Clássicos (ANPAC) vai realizar no Autódromo Internacional do Algarve (AIA), nos dias 7 e 8 de novembro, o Portimão 2 – Super Racing Series, competição que colocará em pista os pilotos do Campeonato de Portugal de Velocidade para Clássicos, Clássicos 1300 e Legends.Apesar do aumento da incidência da Covid-19 em todo o país, o excelente exemplo dado por todos os participantes nas provas das disciplinas organizadas pela ANPAC permite que o evento seja realizado na data aprazada no calendário.

E esta situação acaba por ser sublinhada a traço grosso pela adesão dos pilotos que vão, literalmente, inundar a pista do AIA.Serão quase 60 as equipas presentes no Portimão 2 – Super Racing Series, igualmente divididos entre os Clássicos, Clássicos 1300 e os Legends. Contas feitas, nos Clássicos e Clássicos 1300 estão inscritos 29 automóveis polvilhados pelas diversas classes. Destaque para a “armada” Ford com vários Escort RS, que vão tentar derrotar o Porsche 911 RSR, destacando-se a estreia de um Mini Cooper do Gr.5 que vem animar as lutas neste agrupamento.

Referência, ainda, para a presença de vários Ford Escort RS 2000 do Grupo 1, que vêm dar outro colorido à grelha de partida dos Clássicos. Entre os pilotos dos Clássicos 1300, a luta far-se-á entre os vários Datsun 1200 , aguardando-se uma aguerrida disputa pela vitória entre Luís Alegria e José Fafiães, com João Braga a espreitar uma oportunidade de se esgueirar rumo à vitória. Nos Legends também estão inscritos 29 automóveis, com destaque para a categoria L99-2000 com o grosso dos participantes, numa grelha de partida que é diversificada e com carros para todos os gostos. Uma categoria cada vez mais interessante onde todos vão tentar contrariar o favoritismo do BMW 320d de Manuel Fernandes e Hugo Mestre (categoria Livre). Nessa fila de candidatos a destronar o BMW 320d encontramos os BMW M3 de Joaquim Soares e António Barros e os irreverentes Volvo 850 T5 de Miguel Monteiro e Filipe Matias e sempre espetacular versão carrinha pilotada por Nuno Figueiredo.Os seis resilientes pilotos da categoria Feup 2 voltam a juntar-se para oferecer um espetáculo diferenciado na pista do AIA com os aguerridos Fiat Punto 85, sendo absolutamente imprevisível apontar um favorito á vitória. Destacar, ainda, a presença de Gustavo Moura Jr. com o seu Alfa Romeo 156 da categoria Feup 3, apostado em dar luta a carros mais potentes e velozes.

A ANPAC tem como maior preocupação a segurança dos pilotos, membros das equipas e familiares e por isso mesmo a direção da ANPAC quer que as suas competições continuem a ser um exemplo neste novo “normal” ditado pela pandemia de Covid-19. Nessa medida, voltamos a apelar à responsabilidade de todos para o cumprimento das regras básicas: uso de máscara todo o tempo em que estiverem nas instalações do Autódromo Internacional do Algarve; sempre que possível, manter o distanciamento social de dois metros; evitar circular pelas instalações do complexo sem absoluta necessidade; desinfeção regular das mãos e evitar ajuntamento de mais de 5 pessoas, mesmo nas boxes.

Fechadas as inscrições, a direção da ANPAC não pode deixar de congratular-se com a adesão dos pilotos, que com esta massiva participação voltam a deixar uma mensagem de confiança e de compromisso com a competição automóvel em Portugal.João Macedo Silva, presidente da ANPAC: É gratificante verificar que, uma vez mais, são os Clássicos e os Legends que mantêm a competição automóvel, na vertente da velocidade, em movimento sendo grandes contribuintes para os valores de retorno mediático da disciplina, superior a 3,6 milhões de euros. A direção da ANPAC está muito satisfeita com esta adesão dos pilotos e equipas e tudo fará para que em 2021 tenhamos ainda mais e melhor competição. Para o Portimão 2 – Super Racing Series, desejamos que todos possam contribuir para a manutenção da imagem de cumprimento das normas de segurança face á pandemia de Covid-19.”