IP dá início aos trabalhos de reparação de estradas nacionais da região do Algarve

A Infraestruturas de Portugal informa que deu início aos trabalhos de reparação e beneficiação do pavimento nas estradas que integram a rede da Subconcessão do Algarve Litoral.

Esta intervenção, promovida pela IP, tem como como objetivo restabelecer as condições mínimas de segurança em troços de via integrados na Subconcessão do Algarve Litoral, da responsabilidade da subconcessionária Rotas do Algarve Litoral. 

Dado o incumprimento contratual por parte da subconcessionária na execução dos trabalhos, a IP vai proceder às intervenções necessárias de modo a garantir a melhoria das condições de circulação e segurança destas vias.

No total a IP irá investir cerca de 1,5 milhões de euros, estando os trabalhos estão divididos em dois lotes, um correspondente à rede viária do Barlavento (Lote I) representando um encargo de 836.741,74 €, e o outro às estradas nacionais do Sotavento (Lote II) com um preço contratual de 654.312,94 €.

No total serão intervencionados cerca de 130 quilómetros de estradas nacionais no distrito de Faro, consistindo as intervenções na substituição e reparação da sinalização, horizontal e vertical, e na beneficiação do pavimento, nos seguintes troços:

– Lote I (Barlavento): – IC1, EN/ER124, EN124-1, EN266, EN268 e EN395(IC1), localizados nos concelhos de Vila do Bispo, Portimão, Silves, Lagoa, e Albufeira, numa extensão total de 64,905 quilómetros.

– Lote II (Sotavento): – ER/EN125, EN/ER270, EN/ER396 e EN398, localizados nos concelhos de Loulé, Olhão, Tavira, Vila Real de Santo António e Castro Marim, numa extensão de 64,484 km.

Ambas as empreitadas têm um prazo de execução de 120 dias.

Para a boa execução das obras e de forma a garantir as condições de segurança aos automobilistas e trabalhadores, torna-se necessário implementar condicionamento de trânsito, com a circulação a efetuar-se de forma alternada à passagem no local dos trabalhos.